Blog que trata dos livros, da leitura, da música e da reflexão política e social.

quarta-feira, fevereiro 13, 2008

Never Going Back Again


Ou uma versão mais rápida

Rio das Flores


Apesar de ter gostado do "Equador", não sei porquê não tinha "fèzada" nenhuma no "Rio das Flores".
Sou amigo do Miguel Sousa Tavares há muitos anos, desde jovem - talvez por isso sempre lhe achei alguma piada mesmo quando discordava veementemente das suas opiniões.
Volta e meia "tropeça" nas suas crónicas com os seus ódios de estimação e lá sai arcabuzada, mas no essencial o Miguel é um tipo honesto - por vezes algo pedante, mas sério, é um tipo que acredita sinceramente no que diz, embora acredite em algumas milongas mais frequentemente do que seria desejável.
Voltando à vaca fria (esta podia ter saído em qualquer altura no "Rio das Flores"), o novo romance de MST está-me a surpreender pela positiva.
Há muita sabedoria acumulada na forma como ele descreve a lenta e segura ascenção da ditadura salazarista; e há muito saber de ciência feito na forma como explica aos seus leitores os escaninhos da alma alentejana.
Parabéns, Miguel.
Ainda consegues surpreender.

eXTReMe Tracker